Segunda via de Boletos

Siamês – charmoso e temperamental

Ele é elegante, esguio e muito esbelto. Seus olhos claros e amendoados contrastam com a pelagem, criando o charme que faltava para garantir: um Siamês é reconhecido de longe.  Sua graça chama a atenção e faz com que ele seja atualmente uma das raças mais procuradas.  

Raca-gatos-siam%c3%aas3

Mas além de charmoso, o Siamês é temperamental. Pode passar longos períodos descansando e ser bruscamente acometido por uma vontade de brincar - e é isso que ele irá fazer. Tentar controlar ou prever um Siamês é inútil - além de não respeitar sua natureza imprevisível.

Como todos aqueles de personalidade forte, o Siamês tende a se expressar – e sua expressão é através de miados e resmungos. Isso faz dele um animal barulhento, muito diferente daquele gatinho calmo, quase um bibelô, que muitas pessoas esperam.

Quando estão no cio, as fêmeas são ainda mais barulhentas. Para evitar este comportamento, muitos recomendam a castração logo no início da vida. Para que a castração não resulte em sobrepeso, os donos podem optar por uma ração própria, como a Magnus Super Premium para gatos castrados.

Alegre e de bem com a vida

Quem consegue respeitar a individualidade e o temperamento forte do Siamês tende a encontrar nele um grande amigo. Ele é brincalhão, divertido e espontâneo, equilibrando momentos de pura energia com momentos calmos e relaxados.

A dica é deixá-lo livre para escolher suas próprias atividades, em seu próprio tempo. Se você oferecer um brinquedo, ele provavelmente vai desdenhar, pois aquele é o seu tempo para brincar – não o dele. Muitos donos acabam se sentindo frustrados com essa falta de controle, mas aqueles que aprendem a lidar com ele conquistam um amigo fiel por muitos anos.

Siameses se apegam muito ao seu dono. Aliás, depois de elegerem um dono, eles dificilmente se desapegarão dele – por isso sofrem ainda mais quando abandonados. Todo esse amor com seu dono faz dele um gato ciumento, que não tolera estranhos. Seu mundo se resume ao seu dono – e ele basta para fazê-lo feliz.

Por outro lado, ele sabe apreciar a companhia de crianças e até mede suas atitudes perto delas. Mas quando se cansa da brincadeira, ele sai de fininho e vai aproveitar algo que lhe dê mais prazer.  O Siamês convive bem com outros animais e se torna muito brincalhão quando tem companhia. Mas ele também não tem problema em ser o único pet da casa, e mesmo quando é deixado sozinho lida bem com a situação. O importante é saber que, na volta, você deverá dedicar um tempo especial para ele.

O Siamês não é o típico gato de apartamento, pois vive em recorrente busca pela liberdade. Além disso, ele tem momentos onde precisa extravasar a energia – e isso pode ser difícil em ambientes pequenos. Seu instinto é aventureiro, por isso quem quer ter um Siamês em apartamento deve colocar rede de proteção em todas as janelas para evitar acidentes – este é um cuidado que, aliás, deve ser tomado independente da raça do gato.

Você está preparado para ter um Siamês? Esta raça exige entendimento quanto a sua natureza e suas atitudes – para que a relação flua sem conflitos. Quando equilibrado, o Siamês torna-se um excelente companheiro, fiel ao seu dono e muito divertido de se conviver!


Outras Notícias sobre Raças