American Pit Bull Terrier

O American Pit Bull Terrier não é a melhor escolha para os que procuram cães de guarda por ser extremamente amigável mesmo com desconhecidos.

American_pit_bull_terrier

País de origem: Estados Unidos da América
Nome no país de origem: American Pit Bull Terrier
Utilização: Companhia

Histórico:
No decorrer do século XIX, criadores na Inglaterra, Irlanda e Escócia começaram a experimentar cruzamentos entre Buldogues e Terriers em busca de um cão que combinasse a esportividade do Terrier com a resistência e atletismo do Buldogue. O resultado foi um cão que reunia em si todas as virtudes dos grandes guerreiros: resistência, coragem indomável e gentileza com os que ama. Os emigrantes levaram estas cruzas de Bulls e Terriers para os Estados Unidos. Os diversos talentos do American Pit Bull Terrier não passaram despercebidos pelos fazendeiros e rancheiros que os utilizavam para proteção, na captura do gado semi-selvagem e de porcos, como ajudante nas caçadas, cães pastores e como companhia para suas famílias. Atualmente, o American Pit Bull Terrier continua demonstrando sua versatilidade, participando com sucesso em campeonatos de Obediência, Faro, Agility, Proteção e Tração, bem como de conformação. O United Kennel Club (UKC) foi o primeiro clube a reconhecer o American Pit Bull Terrier. O fundador da UKC, C.Z.Bennett assinou o registro número 1 do clube para o American Pit Bull Terrier de sua propriedade, Bennett's Ring, em 1898.

Aparência Geral:
O American Pit Bull Terrier é um cão de porte médio, de construção sólida, pelagem curta, musculatura bem definida. Esta raça é poderosa e atlética. O corpo é levemente mais longo que alto, sendo que as fêmeas podem ser um pouco mais longas que os machos. O comprimento das pernas dianteiras (medidas da ponta do cotovelo ao solo) é aproximadamente igual à metade da altura do cão a partir da cernelha. A cabeça é de comprimento médio, com o crânio chato e o focinho largo e profundo. As orelhas são de tamanho pequeno para médio, inseridas altas e podem ser naturais ou cortadas. A cauda relativamente curta é inserida baixa, grossa na base e afilando em direção à ponta. O American Pit Bull Terrier se apresenta em todas as cores e marcações, exceto o merle. A raça combina resistência e atletismo com graça e agilidade e nunca deve ter aparência desajeitada ou com musculatura saliente ou ossos finos e pernalta. Acima de tudo, o American Pit Bull Terrier deve ter a capacidade funcional de ser um cão de captura que pode controlar e derrubar a presa (empurrar e puxar) e respirar facilmente, enquanto faz seu trabalho. Equilíbrio e harmonia de todas as partes (do corpo) são componentes críticos do tipo racial.

Características: 
As características essenciais do American Pit Bull Terrier são a força, a autoconfiança e a alegria de viver. A raça gosta de agradar e é cheia de entusiasmo. É um excelente cão de companhia e é notável o seu amor por crianças. Pelo fato de a maioria dos American Pit Bull Terriers apresentar certo nível de agressividade contra outros cães, bem como pelo fato de seu físico ser poderoso, a raça necessita de proprietários que os sociabilizem cuidadosamente e que treinem obediência aos seus cães. A natural agilidade da raça torna-o um dos mais capazes escaladores e com frequência usa seus caninos para escalar uma cerca. O American Pit Bull Terrier não é a melhor escolha para os que procuram cães de guarda por ser extremamente amigável mesmo com desconhecidos. Comportamento agressivo para com o ser humano não é característico da raça e, portanto, é extremamente indesejável. A raça se sai muito bem em eventos de performance por seu alto grau de inteligência e sua vontade de trabalhar.

Fonte: 
CBKC.org

ração Magnus Super Premium é muito indicada para cães da raça American Pit Bull Terrier. A Adimax Pet possui uma linha de rações que vai atender as necessidade do seu amigo. Confira. 

Outras Notícias sobre Raças